La casa de papel (Wallpaper)

em 19 de março de 2020

Série


La casa de papel é uma série de televisão espanhola do gênero de filmes de assalto. Criada por Álex Pina para a rede televisiva espanhola Antena 3, a série estreou em 2 de maio de 2017, sendo protagonizada por Úrsula Corberó, Álvaro Morte, Itziar Ituño, Paco tous, Pedro Alonso, Alba Flores e Miguel Herrán. A série foi adicionada internacionalmente no catálogo da Netflix no dia 25 de dezembro de 2017 com uma nova edição e diferente quantidade de episódios.

Em 18 de abril de 2018, a Netflix renovou a série para uma terceira parte. Em 1 de abril de 2019, a Netflix anunciou a data de estreia da terceira parte, marcada para 19 de julho de 2019.

Foram renovados uma quinta e sexta parte sem data predefinida.

A série recebeu críticas positivas e ganhou em 2018 o Emmy Internacional de melhor série dramática.

Enredo

1ª temporada: Partes 1 e 2 (2017)

A Parte 1 começa com o resultado de um assalto a banco por uma mulher chamada "Tóquio", pois um homem chamado "Professor" a salva de ser pega pela polícia e propõe um assalto incomparável a ela. Após uma breve descrição do assalto planejado, a história salta para o início de um ataque de vários dias à Casa da Moeda da Espanha, em Madrid. Os oito ladrões têm o nome de código das cidades: Tóquio, Moscou, Berlim, Nairóbi, Rio, Denver, Helsinque e Oslo. Vestido com macacões vermelhos com uma máscara do pintor espanhol Salvador Dalí, o grupo de ladrões leva 67 reféns como parte de seu plano de imprimir e escapar com 2,4 bilhões de euros através de um túnel de fuga construído por ele. O Professor encabeça o assalto de um local externo. Flashbacks ao longo da série mostram os cinco meses de preparação em uma propriedade de caça abandonada no interior de Toledo; os assaltantes não devem compartilhar informações pessoais nem se envolver em relacionamentos pessoais, e o assalto será sem derramamento de sangue.

Nas partes 1 e 2, os ladrões dentro da Casa da Moeda têm dificuldades em seguir as regras predefinidas e enfrentam violência, isolamento, motim e uma crescente falta de sono. 

Denver persegue um caso de amor com a refém Mónica Gaztambide, enquanto outro refém, Arturo Román, elabora vários planos de fuga, eventualmente libertando 16 reféns à custa da vida de Oslo. Por fora, a inspetora Raquel Murillo negocia com o Professor e inicia um relacionamento íntimo com sua falsa identidade, "Salva". 

A identidade do professor está repetidamente próxima de ser descoberta. Raquel percebe sua verdadeira identidade, mas é emocionalmente incapaz e não quer entregá-lo à polícia. No final da parte 2, após 125 horas na Casa da Moeda, os ladrões escapam com sucesso da Casa da Moeda com € 984 milhões impressos, às custas da vida de Moscou e Berlim. Um ano após o assalto, Raquel analisa os cartões postais dados anteriormente pelo Professor, que ela decodifica para um local em Palawan, nas Filipinas, onde se reúne com ele.

2ª temporada: Parte 3 (2019)

Nuevos Ministerios, local onde o enredo da parte 3 se passa.
A parte 3 começa de dois a três anos após o assalto na Casa da Moeda da Espanha, mostrando os ladrões curtindo suas vidas emparelhados em diversos locais. 

No entanto, quando a Europol captura Rio com um telefone interceptado, o Professor retoma os antigos planos de Berlim de invadir o Banco da Espanha para forçar a Europol a entregar Rio. Ele e Raquel (agora "Lisboa") juntam a gangue incluindo Mónica (agora "Estocolmo") e recrutam três novos membros: Bógota, Palermo e Marselha. 

Os ladrões disfarçados esgueiram-se para o banco fortemente protegido, tomam reféns e, eventualmente, obtêm acesso aos segredos de ouro e de Estado, enquanto o Professor e Lisboa estão em uma van em movimento para se comunicar com os ladrões e a polícia. Uma brecha no banco é impedida, forçando a polícia, liderada pelo coronel Luis Tamayo e pela inspetora grávida Alicia Sierra, a liberar Rio para os ladrões. 

A parte 3 termina com Lisboa sendo capturada, e o Professor interpreta tiros à distância como sua execução. Quando Palermo envia uma mensagem para o Professor, informando que Nairóbi foi gravemente ferida por um atirador no peito infligido pela polícia e que a polícia está prestes a iniciar outro ataque ao banco, o Professor perturbado e abalado declara DEFCON 2. 

Os momentos finais revelam ao público que a execução de Lisboa foi falsificada, e que ela está viva e sob custódia. Tóquio narra que o Professor havia caído em sua própria armadilha e que "a guerra havia começado".

O artigo completo está em: Wikipédia, a enciclopédia livre.





Topo