Os benefícios das vitaminas lipossolúveis

em 13 de agosto de 2014

Os benefícios das vitaminas lipossolúveis
Bons hábitos alimentares influenciam de forma significativa o bom funcionamento do nosso organismo. Vitaminas são elementos indispensáveis à vida. Seus elementos são responsáveis por diferentes funções no organismo, e a carência deles pode trazer sérios danos à saúde. O que acontece quando há uma carência nutricional de um ou mais nutrientes em nosso corpo. O consumo insuficiente ou exagerado de certas vitaminas pode ocasionar distúrbios nutricionais.

Como se classificam as vitaminas?

Vitaminas lipossolúveis - Que são solúveis na presença de lipídios, por isso necessitam da presença da gordura para serem melhores absorvidas pelo nosso organismo. São elas: A, D, E e K.
Vitaminas hidrossolúveis - São vitaminas solúveis em água. São elas: do complexo B e C.

Vitamina A

É a vitamina dos olhos. Desempenha um papel fundamental na visão com pouca luz (como a visão no escuro ou à noite) e na visão a cores. Ela possui papel fundamental no crescimento ósseo, desenvolvimento e manutenção do tecido epitelial, aumenta à imunidade, importante para combater os radicais livres (ação antioxidante), previne o envelhecimento celular. Sua deficiência é uma importante causa de cegueira de crianças em alguns países em desenvolvimento.

Principais fontes: frutas e vegetais de cor forte, como cenoura, abóbora, brócolis e espinafre e gorduras amarelas de alimentos animais como fígado, ovos e leite.

Sintomas da falta de Vitamina A

Os sintomas da falta de vitamina A podem se manifestar com lesões na pele, cegueira noturna e dificuldade grave de visão, cálculos renais, defeito do desenvolvimento e modelação dos ossos.
Os sintomas da falta de Vitamina A são geralmente reversíveis, através da administração de doses elevadas da vitamina (retinil palmiato) diretamente no músculo e por via oral.

Vitamina D

É uma das vitaminas mais importantes. É fundamental para a constituição dos ossos e dos dentes e sem ela a criança não consegue crescer normalmente. A sua falta provoca uma doença chamada raquitismo, em que a criança não cresce normalmente e os seus ossos não têm qualquer resistência.
É a única vitamina que o nosso corpo consegue sintetizar. A vitamina D pode ser produzida em sua pele através dos raios ultravioletas da luz solar. Grandes doses podem levar a altos níveis de cálcio, especialmente em crianças, o que pode resultar em má formação do osso, apesar disto ser extremamente raro. Não existem recomendações referentes à dieta para adultos que levam uma vida normal envolvendo exposição ao sol. 

Principais fontes: peixes gordos como o atum e o salmão.

Sintomas da falta de Vitamina D

Esta deficiência eleva as chances de quedas, fraturas ósseas, depressão, câncer de cólon e problemas cognitivos, de memória e da capacidade de raciocínio.

Vitamina E

Se você quer minimizar os efeitos do envelhecimento através de um potente agente antioxidante, então é melhor começar a consumir vitamina E.  Ela atua na prevenção do envelhecimento precoce das células, estimula o sistema imunológico, reduz o risco de cataratas, é um excelente protetor contra doenças cardiovasculares, previne o câncer e doenças da pele. Sua deficiência em humanos é rara, ocorrendo apenas em bebês prematuros e em indivíduos com síndrome de má-absorção.

Principais fontes: óleos (girassol, amendoim), sementes de girassol, amêndoas, amendoim, vegetais de folhas verde-escuras, gérmem de trigo, óleo de gérmem de trigo, gema de ovo, nozes e legumes. 

Sintomas da falta de Vitamina E

A deficiência de vitamina E pode causar disfunções neurológicas, miopatias e atividades anormais das plaquetas, além de insônia, colesterol alto e até queda de cabelo. Não existem relatos em estudos com animais de toxicidade devido à alta ingestão do nutriente.

Vitamina K

Componente na formação de 13 proteínas essenciais para a coagulação do sangue e envolvida na construção dos ossos.  Sem ela, qualquer ferida, mesmo pequena, não para de sangrar.

Principais fontes: Alface, couve, couve-flor, espinafre, repolho, leite, os vegetais de folhas verde-escuro são as melhores fontes desta vitamina.

Sintomas da falta de Vitamina K

Sua deficiência causa tendências à hemorragias e dificuldade de cicatrização, porém ela é rara, exceto em recém-nascidos e indivíduos que têm alguma doença afetando a absorção de vitaminas ou o metabolismo, como pacientes com doença hepática crônica.






Topo